Vilas Magazine
Lauro de Freitas
+26°C

Máx +29°

Mín +25°

Dom, 02.02.2014

Jovens trocam emoção das baladas por ação de solidariedade

Redação - Em 31/10/2016

Em maio deste ano, um grupo de amigos tomou a iniciativa de trocar a noite de lazer semanal, para ajudar a quem precisa. Em vez da balada, uniram forças por uma ação de solidariedade, que se iniciou na semana seguinte, voltada para moradores de rua. Levaram algumas quentinhas com alimentos, e enquanto faziam a entrega, puxavam conversa, buscando conhecer os motivos que levam essas pessoas para as ruas. Colheram depoimentos fortes, se emocionaram e fortaleceram a decisão de manter a ação por outras semanas.
 
Surgiu assim o Amor em Ação. Hoje já distribuem mais de 200 quentinhas por ação, doam roupas, materiais higiênicos, brinquedos, orientam como tirar documentos pessoais e até ajudam na intermediação para internamento em clínicas de reabilitação. Tudo conseguido com doações de amigos.
 
As acões de rua acontecem a cada 15 dias, sempre nas quintas-feiras e uma vez por mês o grupo visita uma instituição de caridade. O movimento não possui agenda política ou religiosa e tem como missão promover a ética, a paz, a cidadania, os direitos humanos, a democracia e resgatar valores como a caridade, o altruísmo e a gratidão.
 
Contribuições são muito bem-vindas. Interessados em participar podem entrar em contato pela página do instagram (@amoremacaossa) ou email (movimentoamoremacao@gmail.com).
 
DEPOIMENTO
“No início de cada ação de rua, achamos que estamos indo fazer o bem ao próximo. No final, percebemos que estamos fazendo MUITO bem a nós mesmos.
 
Se livrar de vaidades, preconceitos, medos e diferenças. Se apossar de compaixão, solidariedade, carinho e amor.
 
Quando conseguimos estar ali por inteiro, com a mais pureza que Deus nos deu, o resultado é esse aí da foto.
 
Amor ingênuo, sem malícias. Amor de verdade, sabe?
 
Como não amar ir para as ruas? Como não amar conhecer pessoas e histórias incríveis?
 
Como não se derreter com tanto amor recebido?
 
Queria que esses sorrisos congelassem aí. Queria que essas crianças não sentissem a dor da miséria da vida nas ruas. Queria muito que elas não conhecessem a dura realidade de sentir fome, frio e solidão. Ah, meu Deus, como eu queria!
 
Vamos fazendo o que está ao nosso alcance. E, de pouquinho em pouquinho, o cinza vai ficando colorido.
 
Até a próxima, meus queridos...”
 
Flávia Accioli Ramos, 27 anos, médica veterinária e participante do grupo Amor em Ação.

 

Publicidade
Você Viu? Nov/2017
Tribuna do Leitor Consulta
Tribuna do Leitor Correção
Tribuna do Leitor Sugestão
Tribuna do Leitor Agradecimentos
Tribuna do Leitor A burocracia dos absurdos
Veja todas as notícias de Nov/2017
Vilas Magazine© 2013. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Webd2 - Desenvolvimento Web