Vilas Magazine
Lauro de Freitas
+26°C

Máx +29°

Mín +25°

Dom, 02.02.2014

Curso de artes cênicas de cunho social forma 100 jovens de Lauro de Freitas

Redação - Em 01/11/2016

Um espetáculo de teatro marcou, em outubro, o encerramento de cursos de teatro, dança, figurino e produção de moda do projeto Núcleo de Formação e Pesquisa das Artes Cênicas, realizado pela Associação Cultural Tupã para 100 jovens de Lauro de Freitas. Os cursos são resultado do edital publicado em 2015 para atender às diretrizes do Plano Juventude Viva, realizado por meio da Coordenação Estadual de Políticas para a Juventude (Cojuve). Para o coordenador, Jabes Soares, “iniciativas como essa possibilitam o contato dos jovens com o mundo das artes, promovendo o resgate da autoestima o protagonismo do jovem na comunidade”.
 
Para os jovens atores Alberto Paim, 18 anos, e Suelen Santos, 19, de Itinga, a conclusão do curso incentivou a criação de um grupo de teatro de rua, intitulado Novos Ereotás. Eles pretendem continuar a expressar as artes cênicas. “É gratificante trabalhar com o teatro de rua porque temos a possibilidade de interação, de olhar e sentir a reação do público”, disse Alberto – “a troca desses sentidos é muito importante para o artista”. 
 
A turma, formada por estudantes da rede pública de ensino, iniciou o curso em novembro de 2015. A coordenadora geral do projeto de arte e educação Eliete Teles conta que além da formação específica nas artes cênicas, o projeto do Núcleo de Formação e Pesquisa das Artes Cênicas proporcionou, com um acompanhamento multidisciplinar, vários debates com os jovens sobre assuntos relacionados à cidadania.
 
O Plano Juventude Viva reúne ações de prevenção para reduzir a vulnerabilidade de jovens negros em situações de violência física e simbólica, a partir da criação de oportunidades de inclusão social e autonomia para os jovens entre 15 e 29 anos.
 
As ações buscam a ampliação dos direitos da juventude, a desconstrução da cultura de violência, a transformação de territórios atingidos por altos índices de homicídios e o enfrentamento ao racismo institucional, com sensibilização de agentes públicos para o problema.
 
Jovens fazem espetáculo de rua na Praça Martiniano Maia, Centro

 

Publicidade
Você Viu? Nov/2017
Tribuna do Leitor Consulta
Tribuna do Leitor Correção
Tribuna do Leitor Sugestão
Tribuna do Leitor Agradecimentos
Tribuna do Leitor A burocracia dos absurdos
Veja todas as notícias de Nov/2017
Vilas Magazine© 2013. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Webd2 - Desenvolvimento Web