Vilas Magazine
Lauro de Freitas
+26°C

Máx +29°

Mín +25°

Dom, 02.02.2014

10 mandamentos para o varejo

Raymundo Dantas - Em 13/06/2017

Desde os tempos de Moisés virou mania se fazer listas de dez dicas para qualquer coisa na vida. Hoje, de repente, lembrei-me de que ainda não tinha ouvido ninguém falar em dez mandamentos para o varejista. Por isso apresso-me a criá-los, antes que outro o faça. Afinal, a evolução, como se sabe, pertence aos mais rápidos!
Lá se vão:
 
1º Mandamento: Ouvir o cliente sobre todas as coisas. O que eles dizem a seus empregados e a você mesmo. Isto nos faz conhecer melhor nosso negócio, as exigências do consumidor e as tendências do mercado. Além de ser pesquisa de mercado das melhores.
 
2º Mandamento: Não deixar que o seu negócio role em vão. Ao contrário, busque sempre analisar em profundidade suas deficiências, bem como as suas potenciais virtudes, com vistas a um aperfeiçoamento constante do seu negócio e seus serviços.
 
3º Mandamento: Guardar seu posicionamento, estando sempre em guarda. Ou seja, saber o que quer, sair na frente, ser proativo e encontrar seu diferencial em relação à concorrência.
 
4º Mandamento: Honrar planos e metas. Ter rumo, objetivos a alcançar bem definidos. Colocar metas à frente para os seus negócios: metas de vendas, de custos, de resultados, do que for, desde que possam ser desafiadoras, isto é, que exijam um certo esforço para serem alcançadas. Que sejam, porém, alcançáveis. Metas impossíveis fazem a gente desistir no meio do caminho. E é importante também estabelecer indicadores que permitam medir os resultados, tipo vendas/m², vendas por empregado, etc. E o prazo em que já devem ter sido alcançados.
 
5º Mandamento: Não improvisar. Isto é, definir os caminhos para atingir os objetivos e metas que você traçou. Pensar no como vai fazer, nos instrumentos e métodos de trabalho.
 
6º Mandamento: Guardar viabilidade. Ter as contas sob controle. Fazer um orçamento básico, para administrar melhor suas compras e vendas, receitas e despesas. Manter especialmente as compras sob controle financeiro, para não estourar o estoque. Segurar as despesas administrativas. Montar e administrar seu fluxo de caixa.
 
7º Mandamento: Não confiar só na intuição. Não se pode ser teórico, mas também não é mais tempo de confiar apenas no seu tino comercial. Crie o hábito de trabalhar em cima de dados, números, fatos, indicadores, séries históricas, experiência registrada. Tudo isso e também...sua intuição.
 
8º Mandamento: Não se intimidar por medo de tudo. Comércio é risco. Esteja preparado para o que der e vier. Seja prudente, mas confiante. Forme uma boa equipe, treinada e motivada e vá em frente. Isso é Brasil, com seus problemas, mas também com muitas oportunidades.
 
9º Mandamento: Não esperar uma moleza próxima. Ela não vai vir. Você é que deve estar atento, tendo cintura, capacidade de adaptação rápida às novas circunstâncias, agilidade para corrigir seus rumos rapidamente, quando necessário.
 
10º Mandamento: Não invejar o sucesso alheio. Sucesso é massa cinzenta, suor e auto-confiança. Você tem. Você pode. Você consegue.
Amém.
 
Raymundo Dantas é escritor e palestrante, especializado em Marketing no Varejo, com Mestrado na Espanha. E-mail: raymundo_dantas@uol.com.br

 

Publicidade
Vilas Magazine© 2013. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Webd2 - Desenvolvimento Web