Vilas Magazine
Lauro de Freitas
+26°C

Máx +29°

Mín +25°

Dom, 02.02.2014

Projeto bicho preguiça-de-coleira é lançado no Litoral Norte

Redação Vilas Magazine - Em 01/04/2020

Parceria voltada a preservar o animal mobiliza a Concessionária Litoral Norte, o Instituto Tamanduá e a prefeitura de Mata de São João
 
Após fase de implantação inicial na Reserva Sapiranga, o Projeto Bicho Preguiça foi oficialmente lançado no Litoral Norte em duas versões: em 14 de março, em evento realizado no Projeto Tamar em Praia do Forte e, no dia seguinte, em ação voltada para a comunidade da Sapiranga. Esse é o primeiro projeto de monitoramento realizado na região voltado a preservação da preguiça-decoleira, animal ameaçado de extinção.
 
A iniciativa, realizada pelo Instituto Tamanduá em parceria com a Concessionária Litoral Norte (CLN), empresa do grupo Invepar, vai monitorar o comportamento do animal e construir um corredor ecológico no seu habitat. “O projeto vai levantar as áreas de ocorrência e entender as principais ameaças que acometem a preguiça-de-coleira, visto que das seis espécies existentes no mundo, duas estão ameaçadas de extinção e a preguiça-de-coleira está entre elas. Esta espécie tem muita ocorrência na rodovia BA-099, assim, iremos integrar um conjunto de ações de pesquisa e educação ambiental que resultará em subsídios para criação de um plano de ação para a conservação da espécie”, declara a analista de meio ambiente da CLN, Brisa Cruz.
 
As atividades acontecem na Reserva Ecológica Sapiranga, onde será construído um corredor ecológico formado pelas espécies de plantas prioritárias presentes na dieta da preguiça-de-coleira. As mudas do reflorestamento serão fornecidas pela CLN juntamente com a prefeitura de Mata de São João, que são parceiras em todas as etapas do projeto.
 
A próxima etapa consiste no trabalho de campo, “quando vamos capturar as preguiças para instalação dos colares para monitoramento via satélite, possibilitando gerar informações sobre a localização e aspectos comportamentais dos bichos. Paralelo a isso, já estamos coletando amostras de p elos dos animais relocados para analisar toda a estrutura genética e de saúde desses animais”, explica o biólogo Fábio Lima.

 

Publicidade
Vilas Magazine© 2013. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Webd2 - Desenvolvimento Web