Vilas Magazine
Lauro de Freitas
+26°C

Máx +29°

Mín +25°

Dom, 02.02.2014

Fazendo coisas novas na pandemia

Thiara Reges - Em 29/05/2020

O isolamento social tem provocado um grande movimento onde, além da rotina de cuidados com a casa e as crianças, as pessoas se permitem viver novas experiências, que vão de artesanato, a cuidados pessoais, como fazer a unha ou cortar o próprio cabelo, e milhares de aventuras no universo gastronômico, tudo registrado e compartilhado pelas redes sociais.
 
Levantamento divulgado pelo Google, em abril, mostra que o comportamento de busca dos consumidores foi mudando ao longo do isolamento, com destaque de crescimento da busca por itens como pijamas e chinelos, equipamentos para exercício em casa, games e itens de cozinha. A busca por máquina de costura, por exemplo, teve alta de 64%, e a máquina de pão, 72%.
 
 
Fazer pão, inclusive, tem sido um dos grandes destaques dessa quarenta e com certeza você ou algum amigo de suas redes sociais está neste grupo. Os motivos vão desde evitar sair de casa, reduzir custos e até memória afetiva, no caso de quem já comeu um pão quentinho feito pela mãe ou avó.
 
Funcionária pública, Cattere Reges, 36, está em isolamento social com o marido e os três filhos. A afinidade com a cozinha sempre existiu, e com a pandemia ela está experimentando receitas novas. “Assistindo TV, achei super fácil Ana Maria Braga fazendo pão. Comprei os ingredientes e encarei. Bom, para um primeiro pão, acho que ficou legal, as crianças comeram tudo. Gostei da experiência, comecei a assistir alguns vídeos no Youtube, e a ideia é que o próximo fique ainda melhor”, contou.
 
Lirian Santana, 39, deixou as aventuras na cozinha para o marido, Tadeu. “Descobri que não posso ser dona de casa, rsrs! Meu marido me ajuda bastante, mas é muito estressante. Quanto à cozinha, é que não deu certo mesmo”.
 
Comissária de voo, com uma rotina de escalas regulares, Lirian está aproveitando este período para fazer yoga. “Sempre admirei, tinha curiosidade, mas não conseguia encaixar na minha rotina. Nestes dias de isolamento comecei a fazer aulas online, ao vivo, três vezes por semana, e tenho também um aplicativo que me ajuda com a prática diária. Estou apaixonada e agora mesmo estou no drive-thru do shopping comprando um tapete”, conta.
 
CONTROLANDO A ANSIEDADE
E se você ainda não descobriu qual o seu hobby na quarentena, comece a pensar no assunto. A psicóloga Betânia Oliveira destaca que fazer novas atividades pode ser muito bom para controlar a ansiedade provocada pelas incertezas da pandemia. “Essas atividades extras contribuem muito porque a ansiedade é um estado emocional projetivo em direção ao futuro, que repercute no físico, desestabilizando ou desarmonizando a saúde integral, por provocar sintomas físicos e emocionais que deixam a pessoa num estado alterado de consciência. Quando a pessoa ansiosa canaliza a sua atenção para o presente, dedicandose à atividades como cozinhar, praticar yoga ou qualquer outra que a conecte com o aqui e agora, a ansiedade pode ser amenizada”.
 
Meditação, yoga, leituras, filmes, jogos e brincadeiras com os filhos, escrever, dançar, cantar, podem ser ótimos caminhos para controlar a ansiedade. Além disso, o isolamento social pode ser uma porta para o autoconhecimento, e Betânia acredita que algumas pessoas estejam neste caminho. “Acredito que algumas pessoas sim, principalmente aquelas que já estavam no caminho do autoconhecimento e da expansão de consciência. Todavia, aquelas que ainda se encontravam alheias e muito voltadas para o mundo externo, certamente estão sendo desafiadas a esse enfrentamento”, concluiu.
Publicidade
Vilas Magazine© 2013. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Webd2 - Desenvolvimento Web