Vilas Magazine
Lauro de Freitas
+26°C

Máx +29°

Mín +25°

Dom, 02.02.2014

JAYME DA SILVA NERY: Personagem esquecido na história da emancipação política de Lauro de Freitas

Márcio Wesley, músico, jornalista e cidadão laurofreitense. - Em 30/09/2020

Até então esquecido pela história do município, o funcionário civil da Força Aérea Brasileira, Jaime da Silva Nery, nasceu na cidade de Amargosa, no vale do Jiquiriçá, em 19 de julho de 1914. Chegou à vila de Santo Amaro de Ipitanga em 1941, casou com Delza e juntos tiveram dez filhos. Apesar das dificuldades para manter uma família tão grande, conseguiu na labuta diária da profissão criar todos os filhos e encaminhá-los com dignidade. Seu filho primogênito, Nivaldo Nery, meu pai, continua morando na mesma casa onde nasceu, em 1944, onde construiu, com minha mãe, Lindóia, a família da qual muito nos orgulhamos, eu e meus irmãos, Duzinho e Alan Nery.

O coronel Manuel Duarte D’Oliveira, homem influente politicamente na época, foi quem concedeu o cargo de Juiz de Paz ao meu avô, Jaime Nery, que tinha autoridade para conciliar partes, processar e julgar cobranças de pouco valor, avaliar outros atos civis ou criminais de sua alçada, inclusive realizar casamentos e posses de cargos do poder legislativo de pequenas cidades.

Muitos casais se uniram pelas mãos do juiz Jaime Nery, em Santo Amaro de Ipitanga. Seu Jaime teve uma das mais importantes funções da história do município de Lauro de Freitas: Foi quem empossou, no dia 7 de abril de 1963, os sete primeiros vereadores da cidade, constituindo a primeira legislatura, de 1963 a 1966. No mesmo ano os vereadores empossaram o primeiro prefeito de Lauro de Freitas, Celso Alves Pinheiro da Silva. Apesar do papel importante na história da nossa cidade nenhuma homenagem foi dedicada a ele.

Jaime Nery faleceu no dia 17 de junho de 1990. Em vida, jamais negou sua paixão por estas terras que nunca deixou de chamar de Santo Amaro de Ipitanga. Jaime da Silva Nery, continua esquecido na história da cidade, pelos atuais governantes e historiadores, que não tiveram o cuidado de inserir o personagem na nossa história da emancipação. Mas Jayme da Silva Nery continua sendo lembrado pela sua família, como um homem de bem que honra os seus entes.
 

Publicidade
Vilas Magazine© 2013. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Webd2 - Desenvolvimento Web