Vilas Magazine
Lauro de Freitas
+26°C

Máx +29°

Mín +25°

Dom, 02.02.2014

Otimizando a publicidade

Raymundo Dantas - Em 01/10/2020

Se é verdade que o varejo precisa da publicidade para levar sua mensagem de venda aos clientes, fortalecer sua imagem e buscar fidelização, então é preciso utilizar bem essa ferramenta.
 
Publicidade é uma arma valiosa quando bem trabalhada, mas pode se tornar um desastre, uma fonte de prejuízos, se mal conduzida.
 
Vamos relembrar algumas dicas importantes.
 
Planeje seu orçamento para publicidade
Estabeleça algum modo de ter sob controle o investimento em publicidade. Não deixe que ela se constitua em uma despesa aleatória. Tenha definido um percentual sobre as vendas, por exemplo, ou estabeleça um valor fixo que você possa dispor para determinadas campanhas, nos vários momentos propícios do ano. Normalmente, o investimento publicitário está em torno de 2 a 3% sobre as vendas. No caso de eletrodomésticos, pode chegar a 6%. Defina seu limite e o controle firmemente. Busque cooperativas com seus fornecedores, mas não ultrapasse seu orçamento.
 
Analise a eficácia dos veículos disponíveis em relação ao seu negócio
Do ponto de vista da relação custo/benefício e considerando sua clientela, qual será a mídia que pode lhe trazer maior resultado? Será o jornal ou a revista? Talvez uma mala direta apenas para potenciais consumidores daquele produto, ou quem sabe, talvez um bom folheto para distribuir de porta em porta no seu bairro? Ou o serviço de alto-falantes? Enfim, descubra o que é melhor para o seu negócio, para aquele seu objetivo, qual mídia lhe traz mais vantagens no seu bairro ou em sua cidade.
 
Analise as mídias alternativas
Em bairros afastados ou cidades menores esqueça televisão ou grandes jornais. Faça mini out-doors, que você pode colocar na sua própria fachada; telemarketing para clientes já tradicionais ou potenciais; jornais ou revistas de bairro, mais baratos e que atingem seu público alvo; carro de som nos bairros; fundo de ônibus, homem-sanduíche, alto-falante na porta da loja, etc. Tudo é válido, de acordo com cada caso. Não entre na onda de só anunciar em mídias caras. Seja prático e faça as contas. O importante é fazer publicidade nos veículos que seu cliente lê ou ouve.
 
Não pulverize sua verba de publicidade
Às vezes, se quer anunciar em vários veículos ao mesmo tempo e se termina com uma presença fraca em todos eles. Quase sempre é melhor concentrar os recursos em um ou poucos veículos, garantindo que sua mensagem vá mesmo atingir o alvo.
 
Há um efeito cumulativo na publicidade
Se você está sempre presente com sua propaganda, nunca será esquecido. Por isso, para fixar a imagem do seu negócio, é melhor anunciar pouco, mas sempre, do que fazer grandes campanhas uma vez ou outra. A frequência também lhe dá melhores condições de negociação com os veículos, pois para eles é sempre melhor um cliente que anuncia sempre, garantindo uma receita fixa que vai ajudar a administrar melhor o seu fluxo de caixa.
 
Torne-se também mídia para seus fornecedores
Seu ponto de venda é uma excelente mídia. Lembre-se disso. Não chame seu fornecedor para contribuir apenas com a sua publicidade cooperada. Pense também em vender a ele espaços na sua loja. Talvez você tenha totens, torres, estacionamento, circuito interno de TV, prateleiras, cabeças de gôndola, espaços aéreos, checkouts e muitos outros locais interessantes para anunciar o produto dele. Lembre-se que seus clientes também são os clientes dele. Essas vendas de espaço publicitário vão significar receita extra, ao mesmo tempo em que aumentam suas vendas.
 
Não se descuide da imagem institucional
É uma ilusão pensar que propaganda só é válida se anuncia produto e preço. É preciso também fazer uma publicidade que crie uma boa imagem para o seu negócio, que promova sua empresa, a qualidade do seu atendimento, etc. Uma publicidade que gera credibilidade para sua loja, ajudando a fidelizar os clientes. Em épocas de crise, a fidelidade dos clientes às vezes vai a zero. Quando a gente tem uma boa imagem institucional consolidada, isso vale como um seguro de vida, pois segura a clientela. Ficam essas dicas para sua meditação!
 
Raymundo Dantas é Escritor e palestrante, especializado em Marketing no Varejo, com Mestrado na Espanha. raymundo_dantas@uol.com.br

 

Publicidade
Vilas Magazine© 2013. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Webd2 - Desenvolvimento Web