Buracos nas ruas continuam fazendo vítimas na cidade

2
433
buracos em lauro de freitas provocam acidentes

Grupos de ciclistas que utilizam as ruas da cidade relatam vários acidentes por causa dos buracos. O mais recente e lastimável vitimou a ciclista Deraldo Requião (foto), membro do grupo de pedal “Barril Dobrado”, acidentado quando fazia seu exercício matinal, por volta das 5h30 do dia 10 de agosto. Apesar de experiente na prática do pedal, o ciclista foi surpreendido pela profundidade do buraco, localizado na esquina da rua Ruy Barbosa com av. Gerino de Souza Filho, conhecida como Estrada do Trabalhador. Deraldo fraturou a mandíbula e teve que passar por cirurgia. A prefeitura se limitou a “lamentar o ocorrido”. Simples assim.

2 COMENTÁRIOS

  1. ENGARRAFAMENTO NA ESTRADA DO COCO
    Já dizia música que “pau que nasce torto não tem jeito morre torto”. Pois bem, é o caso dos constantes engarrafamentos no acesso ao Parque Shopping e Unime para quem vem da Av. Santos Dumont, a popular Estrada do Coco e entorno. Vai morrer torto!
    A prefeitura e o governo do estado perderam uma ótima oportunidade de exigir como contrapartida na construção do referido centro de compras a implantação de um elevado na pista ascendente entre o Shopping Atlantmar e a Prorural, com isso estaria resolvendo diversos gargalos e dando maior fluidez àquele trecho. Com essa solução, simples para a época, não haveria necessidade de semáforo em frente do Parque Shopping,
    Em frente ao Atlantmar existe um estreitamento antigo que responde por boa parte das retenções daquela área; na pista criada (mal criada inclusive); para acessar o Parque Shopping, todos os dias nos deparamos com um engarrafamento monstruoso e irritante – o tempo do semáforo para quem vem daquela via é de apenas 30 segundos enquanto para o que sobem chega a 5 minutos. Enquanto isso, o volume de veículos vai aumentando, aumentando chegando até na pista de retorno e gerando descontentamentos entre os motoristas com a consequente invasão do sinal vermelho por parte dos estressados motoristas.
    Porém, com um pouquinho de criatividade e ousadia os urbanistas e técnicos da prefeitura conseguem construir esse elevado.

  2. ENGARRAFAMENTO NA ESTRADA DO COCO
    Já dizia música que “pau que nasce torto não tem jeito morre torto”. Pois bem, é o caso dos constantes engarrafamentos no acesso ao Parque Shopping e Unime para quem vem da Av. Santos Dumont, a popular Estrada do Coco e entorno. Vai morrer torto!
    A prefeitura e o governo do estado perderam uma ótima oportunidade de exigir como contrapartida na construção do referido centro de compras a implantação de um elevado na pista ascendente entre o Shopping Atlantmar e a Prorural, com isso estaria resolvendo diversos gargalos e dando maior fluidez àquele trecho. Com essa solução, simples para a época, não haveria necessidade de semáforo em frente do Parque Shopping,
    Em frente ao Atlantmar existe um estreitamento antigo que responde por boa parte das retenções daquela área; na pista criada (mal criada inclusive); para acessar o Parque Shopping, todos os dias nos deparamos com um engarrafamento monstruoso e irritante – o tempo do semáforo para quem vem daquela via é de apenas 30 segundos enquanto para o que sobem chega a 5 minutos. Enquanto isso, o volume de veículos vai aumentando, aumentando chegando até na pista de retorno e gerando descontentamentos entre os motoristas com a consequente invasão do sinal vermelho por parte dos estressados motoristas.
    Porém, com um pouquinho de criatividade e ousadia os urbanistas e técnicos da prefeitura conseguem construir esse elevado

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui