Golpe do Renavam: Crime rouba dados e clona veículos

0
1208
cuidado com o golpe do renavam
Foto: Detran

Criminosos têm usado uma nova estratégia para aplicar golpes em quem deseja vender veículos; confira os detalhes. Veja como se prevenir de novo golpe que rouba dados a partir do número do Renavam

A internet, desde que foi criada, trouxe inúmeros avanços para as relações entre as pessoas e promoveu uma revolução em muitas práticas, como a compra e venda de veículos.

Mas, junto com essas mudanças, também vieram alguns problemas, como a ação de pessoas mal-intencionadas. Um novo golpe tem sido aplicado em anunciantes de veículos para roubar dados do proprietário e clonar os veículos a partir do número do Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores), considerado o “RG dos carros”.

O esquema criminoso consiste em um dos bandidos entrar em contato com a pessoa responsável por um anúncio automotivo virtual e, durante a conversa, solicitar a placa do veículo e, posteriormente, o número do Renavam, sob a justificativa de usar os dados para fazer consultas sobre possíveis pendências e o histórico do carro.

Com essas informações em mãos, os criminosos conseguem mais dados do proprietário para aplicar uma infinidade de golpes, além de ser possível clonar o carro com as características obtidas, fazendo com que multas, débitos e demais problemas sejam destinados ao veículo original.

Como se proteger

Mesmo que saber o número da placa e do Renavam seja essencial para fazer uma consulta completa sobre histórico de multas, débitos e demais pendências junto a órgãos de trânsito, é importante saber as reais intenções de quem está recebendo tais informações.

E caso a pessoa que está interessada em adquirir seu veículo questione sobre o número do chassi, desconfie imediatamente, pois pode ser um indicativo de que ali há uma atitude suspeita. O principal meio pelo qual os criminosos atuam é via internet, então sempre esteja com um pé atrás caso não conheça a pessoa que está do outro lado.

Caso o possível comprador peça o número do Renavam, o vendedor pode fazer a consulta detalhada nos sites dos órgãos de trânsito estaduais e municipais e encaminhar o documento com os dados mais sensíveis ocultos ou censurados, a fim de que seja mantida a segurança e proteção contra ações criminosas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui